Ansiedade

Às vezes ouço forte o bater do coração
Dor que se apodera do meu peito
Vem rápida e intensamente
Chega para perturbar meu silêncio
Num sopro, varre toda e qualquer tranquilidade
E assim de repente, transforma o dia em noite!

Às vezes ouço forte o bater do coração
Dor que chega e se entranha
Desespero e agonia
Vem rápida e subitamente
E num sopro, varre todo o discernimento
Transforma a alegria em sofrimento!

Às vezes ouço forte o bater do coração
Dor que se apodera do meu peito
Num sopro, lágrimas caem
Inundam meu rosto
E para triste desgosto
Esta tormenta que se instalou
Dá tréguas, mas promete voltar

Porque esta dor…
Óh, esta dor veio para ficar!

 

Entrarei em contacto, assim que possível.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.