Sortelha: Trilhos medievais e beleza beirã

Atualmente, o interior de Portugal é sinónimo de serenidade e de montes a perder de vista. Mas, nem sempre foi assim. Há cerca de 800 anos, numa era de reis e princesas, mouros e templários, o interior do recém-formado reino de Portugal era um palco aceso de batalhas. Da necessidade da consolidação da zona fronteiriça nasceram castelos e fortalezas, que hoje ainda resistem e enchem de esplendor a agreste paisagem beirã; este cenário serve de mote a uma viagem até Sortelha.

Situada no concelho de Sabugal, entre Belmonte e a sede concelhia, no distrito da Guarda, a aldeia de Sortelha destaca-se no panorama beirão, em pleno esporão granítico dominante. Com um altitude máxima de 786 metros, Sortelha e o seu castelo oferecem aos visitantes umas vistas impressionantes sobre as serras envolventes. Se considerarmos a sua altitude e a localização próxima a Espanha, cerca de 45 km, não é de estranhar que Sortelha tenha sido uma peça importante numa espécie de jogo de xadrez medieval.

BREVE HISTÓRIA

De facto, a origem mais ‘recente’ da Aldeia Histórica de Sortelha remonta aos tempos d’el-rei D. Sancho I, cognominado ‘O Povoador’ por ter colorido os lugares mais remotos do reino com gente. Por isso, conta-se que D. Sancho I terá sido o responsável pelo repovoamento de Sortelha. Apesar disso, os grandes marcos chegariam apenas com o el-rei D. Sancho II, que em 1228 outorgou o foral de Sortelha e promoveu a edificação do castelo.

A posição estratégica da aldeia levou a sucessivas intervenções por parte doutros monarcas, nomeadamente D. Dinis, que ordenou a construção das muralhas, e D. Fernando I, que promoveu obras de melhoria. Em 1510, D. Manuel I renovou o foral desta urbe medieval e foi construído o pelourinho; factos que atestam o papel importante de Sortelha como bastião de defesa raiano. O castelo esteve envolvido em conflitos na Guerra da Restauração, contra Castela (1640 – 1668), mas também nos esforços lusitanos de travar as tropas de Napoleão.

Para além da sua face estratégica, o castelo serviu de casa aos ‘Condes de Sortelha’, título nobiliárquico concedido por D. João III em favor de D. Luís da Silveira. Não obstante o seu passado de relevo, o castelo de Sortelha perdeu fulgor a partir do séc. XIX, altura em que a sede do concelho foi extinta. Em 1910, o castelo de Sortelha foi decretado como Monumento Nacional.

PERCORRER A ALDEIA

Com o tempo, os filhos da terra saltaram as muralhas de Sortelha para não mais voltarem, ao ponto de a atual freguesia contar apenas com aproximadamente 440 habitantes. Apesar do seu despovoamento e de ter permanecido ‘esquecida’ na imensidão do interior, Sortelha tem atraído as atenções de muitos turistas; e é a pensar, precisamente, naqueles que ainda não calcorrearam os trilhos medievais de Sortelha, que apresentamos agora um breve roteiro.

Castelo & Muralhas

Querer percorrer Sortelha significa deixar o carro de fora das muralhas; mas, os turistas mais ‘preguiçosos’ que não se preocupem, pois a aldeia é suficientemente pequena para ser contemplada a pé, sem qualquer esforço de relevo. Neste roteiro por Sortelha, um dos pontos fundamentais é o tão badalado castelo. É possível percorrer os limites do edíficio medieval, bem como das muralhas, enquanto se contempla um cenário de 360 graus sobre a paisagem.

 

Igreja Matriz & Torre Sineira

Dentro do perímetro muralhado encontra-se a Igreja Matriz. Os historiadores acreditam que a construção deste edifício poderá ser anterior ao Renascimento. Contudo, certo é, que ao longo dos séculos sofreu profundas alterações, mas conseguiu manter-se de pé. Perto da Igreja Matriz está outro dos locais de maior interesse – a Torre Sineira, acessível através de um caminho de pedra e umas escadas esculpidas na rocha. Se subir a Torre Sineira, aproveite e respire fundo, para mais um olhar compenetrado sobre o entorno medieval que o rodeia.

Antiga Casa da Câmara e da Cadeia

Tal como já foi mencionado, Sortelha foi sede de concelho até ao séc. XIX e a Antiga Casa da Câmara é um testemunho direto desse passado. Com origens no séc. XVI, o edifício tem dois pisos e serviu simultaneamente de Câmara (no piso superior) e de Cadeia (no piso inferior). A construção está localizada no Largo do Pelourinho e ao longo do tempo serviu outros propósitos, tendo sido usada como escola e atualmente como Junta de Freguesia.

Formações rochosas peculiares

Fruto do relevo acidentado, não faltam formações graníticas peculiares em Sortelha, mas as mais conhecidas são a Cabeça da Velha (que traz à mente a imagem de um rosto envelhecido pela idade) e a Pedra do Beijo (duas rochas parecem estar a beijar-se). De facto, esta última é tão singular que deu origem a uma lenda.

Segundo consta na cultura popular, a Pedra do Beijo é nada mais nada menos do que o reflexo de um amor proibido. Conta-se que uma donzela ter-se-á apaixonado por um mouro, que fazia parte do cerco à urbe; o amor da filha por um ‘infiel’ – como chamavam os cristãos medievais aos muçulmanos – terá causado um profundo desgosto à mãe, que movida pelo desalento transformou o casal em pedras, quando estes trocavam beijos e juras de amor.

De facto, as formações graníticas são uma constante na paisagem agreste envolvente; um panorama onde o sol queima intensamente, ao ponto dos habitantes de Sortelha serem conhecidos por ‘lagartixos’, devido à elevada exposição solar das casas. Visitar Sortelha no verão é, por isso, sinónimo de muito calor. Mas, seja em que época do ano for, há algo que permanece: o esplendor medieval desta aldeia oitocentista, embalado pelo bucolismo típico beirão.

Fonte de informações históricas:

Carta do Lazer das Aldeias Históricas. (2000, Janeiro). Aldeias Históricas de Portugal – Roteiro de Sortelha”.

Entrarei em contacto, assim que possível.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.