À descoberta dos 10 castelos mais bonitos de Portugal

Portugal é um dos países mais antigos da Europa e do mundo. Com uma História rica em lendas e batalhas, entre mouros e castelhanos, não é de surpreender a quantidade de castelos, fortalezas e muralhas espalhados por todo o país. Destas centenas de monumentos, uns estão em ruínas, já outros foram revitalizados e mantêm o esplendor de outros tempos.

Neste contexto, e após meses de confinamento, o Crónicas de Utopia e a RUA prepararam um ‘top-10 dos castelos mais bonitos de Portugal’. De norte a sul, esta é uma viagem imperdível por locais que têm o poder de despertar paixões e encetar a um regresso ao passado; uma viagem medieval a um reino encantado, repleto de reis, princesas e cavaleiros templários.

1 – CASTELO DE GUIMARÃES

Esta viagem medieval inicia-se, precisamente, onde tudo começou: Guimarães. Na cidade berço, o Castelo evoca a memória do fundador do reino – D. Afonso Henriques –, a célebre batalha de São Mamede, mas também o estatuto de primeira capital do reino de Portugal (pelo menos, segundo alguns historiadores). O castelo foi erguido no séc. X, como baluarte de proteção à população local contra os ataques dos vikings. Volvidos cerca de mil anos, o castelo sobreviveu ao passar do tempo e continua a fazer o deleite de todos os turistas.

2 – CASTELO DE SANTA MARIA DA FEIRA

Hoje em dia, o Castelo da Feira é, especialmente, reconhecido por servir de palco a uma das mais famosas feiras medievais do País. Mas, outrora, esta foi a sede das “Terras de Santa Maria”, que se estendia até aos domínios do atual concelho de Arouca. O castelo é considerado um dos testemunhos mais completos da arquitetura militar medieval portuguesa, entre os séculos XI e XVI. Situado no topo de uma colina, circundada por um amplo bosque verde, o castelo da Feira parece saído de um conto de fadas.

3 – CASTELO DE SORTELHA

A zona beirã, perto da fronteira com Castela, foi palco de vários conflitos no decurso do tempo. Com efeito, é possível encontrar dezenas de castelos e fortalezas nesta região, fruto da posição estratégica para a defesa d’el reino de Portugal. Com uma altitude máxima de 786 metros, Sortelha e o seu castelo são um destino de paragem obrigatória. Esta Aldeia Histórica recebeu o primeiro foral no reinado de D. Sancho II e foi relativamente povoada até ao séc. XIX. Apesar de hoje conhecer mais turistas que moradores, Sortelha em nada perdeu o seu encanto, ao oferecer uma vista privilegiada sobre a Beira.

4 – CASTELO DE LEIRIA

Estrategicamente construído a norte sobre a cidade e o rio Lis, o Castelo de Leiria é um dos melhores exemplos de transformação residencial no País. De estilo gótico, este emblemático monumento acolheu vários membros da coroa, incluindo o rei D. Dinis, que viria a oferecer a povoação e o seu castelo à rainha Santa Isabel. Depois da Guerra da Restauração, o castelo chegou a estar em ruínas, mas tem vindo a ser reabilitado, para que todos possam contemplar, do alto das suas varandas, a maravilhosa vista sobre o Lis.

5 – CASTELO DE TOMAR

Do Castelo de Tomar, erguido em 1160, hoje restam apenas ruínas. No entanto, o último e principal bastião da Ordem dos Templários, em Portugal, não poderia faltar nesta lista. Isto, sobretudo, se atendermos ao facto que a maior surpresa está no interior: o Convento de Cristo. Este complexo histórico é considerado Património da Humanidade da UNESCO e é paragem obrigatória para todos os apaixonados pela Rota dos Templários.

6 – CASTELO DE PORTO DE MÓS

Se existisse o título de castelo mais peculiar de Portugal, este seria atribuído, sem dúvida, ao Castelo de Porto de Mós. Longe de ser um peculiar grosseiro é, isso sim, um edifício único e belo, que se destaca pelas suas torres verdes de estilo gótico e romântico. Situado no centro do território, na zona oeste, o castelo de Porto de Mós assumiu um papel importante na defesa das cidades de Leiria e de Coimbra, durante o período da Reconquista, no reinado de D. Afonso Henriques. A sua beleza e nome estão cravados para a posteridade nos versos do eterno Luiz de Camões.

7 – CASTELO DE ALMOUROL

Situado numa pequena ilha escarpada, em pleno rio Tejo, o Castelo de Almourol domina a paisagem envolvente. Todos os anos, muitos são os visitantes que aí acorrem para registar em fotografias, aquela que é considerada uma das ‘7 maravilhas de Portugal’. A história deste castelo medieval, que é no mínimo cenográfico, está intimamente ligada à memória dos lendários Cavaleiros Templários. De facto, toda esta zona do Ribatejo é fundamental para aprofundar conhecimentos sobre os antigos monges guerreiros mais icónicos da História.

8 – CASTELO DO MARVÃO

As muralhas do Castelo de Marvão bem que poderiam ter servido de cenário à série “Game of Thrones”, da HBO. Considerada a vila mais alta de Portugal, o Marvão é uma verdadeira jóia da coroa do Alentejo. Com as suas casas pictóricas, o percurso desde o início da vila até ao castelo, que arranca pelas portas medievais, tem tanto de belo como de fatigante; mas, sem dúvida, vale a pena! Ao atingir-se o topo do castelo, cujo perímetro é adornado por cantos e recantos ajardinados, a vista que se estende até Cáceres, do outro lado da fronteira, promete impressionar.

9 – CASTELO DOS MOUROS

Sintra é uma das vilas mais mágicas de Portugal, ou não tivesse praticamente tudo aquilo que um viajante gosta: gastronomia típica de fazer ‘chorar por mais’; natureza; praias e, claro, um sem número de monumentos para visitar e apreciar. Apesar de o Palácio da Pena ser, provavelmente, a maior referência, o Castelo dos Mouros merece todas as atenções. Afinal, dali quase é possível tocar o céu.

10 – CASTELO DE SÃO JORGE

Em Lisboa, cidade das sete colinas, em cada esquina se vê, em cada esquina se sente o Tejo; em cada ruela se respira a essência que inspirou tantos poetas. No alto de uma das colinas, o Castelo de São Jorge sobressai na paisagem e é avistado em quase todos os miradouros da cidade. Datado do séc. XI, o castelo é testemunho da herança moura que a nossa História transporta até aos dias de hoje. Um castelo com passado, presente e futuro, sempre com o Tejo a perder de vista.

Ecos de batalhas e do quotidiano medieval, estes e outros castelos espalhados pelo território português são testemunhos diretos de feitos d’outrora. De norte a sul, uns em melhor estado de conservação que outros, há castelos para todos os gostos; o importante mesmo é deixar o conforto do sofá e visitar estes monumentos. Afinal, haverá melhor forma de viajar no tempo do que esta?!

2 thoughts on “À descoberta dos 10 castelos mais bonitos de Portugal

Entrarei em contacto, assim que possível.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.